quarta-feira, 10 de março de 2010

ETA

Simplificando, a ETA é um grupo terrorista que pretende a separação do País Basco do resto da Espanha.

Eu não sei em que medida esse bando colhe simpatia entre a população basca, e nem sei se os bascos são maltratados de alguma forma pelo resto da Espanha para que sejam tão radicais.
O que eu sei é que empregam principalmente um método de luta cobarde - atentados à bomba que matam mais inocentes do que responsáveis pela política de Espanha.

A apreciação desta situação é muito simples.

Mesmo que um dia o País Basco venha a ser independente, enquanto outros países têm na sua história heróicas conquistas e eloquente diplomacia, a única coisa que a ETA (ou quem governar esse hipotético país) terá para contar aos seus descendentes será a infâmia do terrorismo.
Esse putativo país estará já, pois, queimado.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!