sábado, 11 de setembro de 2010

Esmeralda

No horizonte raia o sol quando sorris
E em mim
A vontade de escrever coisas bonitas
Que só por seres me ditas

És o fresco amanhecer de mais um dia
Que me sombreia de alegria
A ti vão dar todas as veredas
Pelo aroma de quando chegas

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!