quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Esperança

A minha esperança é uma flor que, mesmo sem água, rompe cimento até secar comigo.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!