domingo, 12 de maio de 2013

Brincar

Adoro quando saltas, danças e ris
É um prazer secreto ver-te assim
Tens aquilo que sempre quis
Tens aquilo que falta em mim

Como é o condão de divertir?
Não pensar a seguir
Não ser insonso
Nem olhar esconso

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!