segunda-feira, 27 de maio de 2013

Impagável

Como capturo
O tacto dos teus lábios?
Não para o agarrar
Mas para o eternizar

Como solto
A minha gratidão?
Não só para a confessar
Mas para ta mostrar

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!