domingo, 22 de dezembro de 2013

Até onde vejo

a minha tristeza não tem nome
em caixas de memórias vazias
e cheias de ausência de tacto
inscritas discrição sagrada
honestidade descarada...

e custa tanto digerir progressos morosos...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentar neste blogue

Qualquer internauta é bem-vindo a comentar. Comentários que não tenham nada a ver com o assunto em pauta, insultos gratuitos, etc... serão removidos. Obrigado por comentar!